Gabinete de Apoio ao Aluno e à Família

Os principais objetivos do Gabinete de Apoio ao Aluno e à Família, em Portugal, são a prevenção do abandono escolar precoce, do absentismo e da indisciplina, e a promoção da inclusão dos alunos e suas famílias tendo em vista a obtenção de sucesso escolar. A participação das famílias no percurso educativo dos seus educandos tem um papel fundamental neste processo.

Um assistente social e dois mediadores trabalham em estreita colaboração com os professores e as famílias de todas as escolas do agrupamento, de acordo com as necessidades identificadas e as prioridades definidas. Os alunos são encaminhados para o gabinete de apoio pelos professores (há uma ficha para o efeito), pais ou tutores, ou pelos parceiros da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, por exemplo, mas também podem contactá-lo por sua própria iniciativa.

A equipa do gabinete de apoio reúne quinzenalmente para debater os casos e definir estratégias (ou seja, um plano de intervenção centrado em cada aluno). Em seguida, articula a sua intervenção com a família e os professores.

As principais atividades realizadas pelo gabinete de apoio são: visitas domiciliárias, sessões de formação parental, apoio aos pais na resolução de problemas relacionados com outras instituições, sessões de desenvolvimento de competências pessoais e sociais destinadas aos alunos, e tutoria individual dos alunos, entre outras. 

Tipo
Prática
País
Portugal
Língua
BG; CZ; DA; DE; EL; EN; ES; ET; FI; FR; HR; HU; IT; LT; LV; MT; NL; PL; PT; RO; SK; SL; SV
Nível escolar
Primary; Secondary
Nível da intervenção
Individual; Segmentado
Intensidade da intervenção
Contínua; Periódica
Fonte de financiamento
Governo nacional