Escola do ensino secundário superior de Beda

O presente exemplo descreve as abordagens inovadoras adotadas numa escola do ensino secundário superior da Suécia. A escola oferece uma série de programas direcionados para o desenvolvimento pessoal e a participação ativa dos alunos na sociedade. Além disso, procura prestar-lhes um apoio contínuo e reduzir o risco de abandono escolar, esforçando-se por diminuir o mais possível os períodos de encerramento e permanecer aberta durante algumas férias mais prolongadas. Conta também com uma vasta equipa de profissionais de saúde e com assistentes sociais e psicólogos disponíveis para atender às necessidades dos jovens.
Beda Hallberg, um estabelecimento do ensino secundário superior localizado em Kungsbacka, na Suécia, abriu portas em 2013 como uma pequena unidade centrada no aluno. Para alguns jovens adultos entre os 16 e os 20 anos, o ambiente físico e social de muitas escolas pode ser difícil e constituir um obstáculo à sua permanência no sistema educativo. A escola de Beda está aberta aos jovens que procuram uma escola pequena onde se possam sentir seguros e confortáveis.

A escola não se limita a preparar os alunos para a transição do sistema de ensino para a vida profissional ou para a continuação dos estudos a nível superior. Pretende dotá-los também de bases sólidas para prosseguirem o seu desenvolvimento pessoal e participarem ativamente na sociedade.
A Beda Hallberg oferece um programa de preparação para o ensino superior denominado Programa de Ciências Sociais (SA), cujo objetivo é aprofundar os conhecimentos dos alunos sobre a realidade social da Suécia e do resto do mundo, a interação entre o indivíduo e a sociedade, as condições de vida das pessoas e a sua variação no tempo e no espaço.
Uma das principais características da escola é considerar que o bem-estar dos alunos é fundamental para o sucesso e que estes devem intervir de forma ativa e positiva na sua própria aprendizagem. O ensino é personalizado em função das necessidades do aluno. A flexibilidade e as relações interpessoais, o empenhamento dos professores e do restante pessoal e o seu desenvolvimento profissional contínuo são elementos importantes.
Com o intuito de reduzir o stress, estabelece-se uma separação clara entre o tempo de escola/trabalho e o de lazer. Não existem trabalhos de casa, em parte porque alguns alunos não têm um ambiente familiar propício à sua execução. Há alunos que necessitam de um acompanhamento contínuo por parte da escola e para os quais os períodos de férias prolongados são contraproducentes. A fim de responder a estas necessidades, a Beda Hallberg diminui o mais possível os períodos de encerramento e permanece aberta durante algumas férias mais prolongadas. Conta também com uma vasta equipa de profissionais de saúde e com assistentes sociais e psicólogos disponíveis para atender às necessidades dos jovens.
Na Suécia, a avaliação sistemática da qualidade é obrigatória, exigindo-se a cada escola que planeie, avalie e desenvolva o seu trabalho educativo. Os professores e os alunos têm de participar neste processo, que a escola deve documentar. Ao município de Kungsbacka, responsável pelo estabelecimento de ensino, compete garantir que este cumpre a regulamentação e assegura uma avaliação sistemática da qualidade.

Tipo
Prática
País
Suécia
Língua
BG; CZ; DA; DE; EL; EN; ES; ET; FI; FR; HR; HU; IT; LT; LV; MT; NL; PL; PT; RO; SK; SL; SV
Nível escolar
Secondary
Nível da intervenção
Segmentado
Intensidade da intervenção
Contínua
Fonte de financiamento
Financiamento europeu; Financiamento local

Dear Ms. Nasstrom, your school is a perfect example of innovative approach in inclusive teaching objectives for secondary school which might be extended also in other educative fields.

Traduzir (Apenas para os utilizadores registados)

Your project looks hot interesting and I'd love to find out more. Have emailed but it bounces back - any chance of contact please? Martin Ridley ri@st-peters.bournemouth.sch.uk Thanks

Traduzir (Apenas para os utilizadores registados)